top of page
  • Cornestone Partners

O Mercado Bilionário de Compra e Venda de Instituições de Ensino

Atualizado: 7 de mai.


instituição de ensino

O setor de educação tem se destacado no mercado de fusões e aquisições nos últimos anos. Diversos fatores contribuem para esse crescimento, como o aumento da demanda por serviços educacionais de qualidade, a busca por expansão e diversificação das empresas do setor e a necessidade de se adequar às mudanças tecnológicas e inovações educacionais.


Uma das principais razões para o aumento da compra e venda de instituições de ensino é o crescimento da demanda por serviços educacionais. Com o aumento da população e a busca por melhores oportunidades de emprego, as pessoas têm investido cada vez mais em educação. Isso gera uma maior procura por escolas, cursos, treinamentos e outras soluções educacionais.


Além disso, as empresas do setor de educação têm buscado expandir seus negócios e conquistar novos mercados. Através de fusões e aquisições, essas empresas conseguem adquirir novas escolas, centros de treinamento ou outras instituições educacionais, aumentando sua presença geográfica e diversificando sua oferta de serviços.


Outro fator que impulsiona as fusões e aquisições no setor de educação é a necessidade de se adequar às mudanças tecnológicas e inovações educacionais. Com o avanço da tecnologia, novas formas de ensino e aprendizagem têm surgido, como a educação a distância, cursos online e plataformas de aprendizagem digital. As empresas do setor precisam se adaptar a essas mudanças e, muitas vezes, a aquisição de empresas especializadas nesse tipo de tecnologia é a melhor maneira de se manterem competitivas.



Tendências e Perspectivas para 2024


Um exemplo prático dessa tendência é a aquisição da empresa de tecnologia educacional Hotmart pela edtech Descomplica. A aquisição permitiu que a Descomplica ampliasse sua oferta de cursos online e alcançasse um público maior, enquanto a Hotmart ganhou acesso a uma base de alunos já consolidada.


O mercado de educação básica está se tornando alvo de fundos de private equity e grupos estrangeiros, indicando uma consolidação prevista para 2024, impulsionada pelo faturamento de R$ 84 bilhões no ano anterior. Gestoras e grupos internacionais, estão negociando investimentos em escolas que adotam novas metodologias, sejam bilíngues ou possuam alto índice de aprovação no vestibular. Transações recentes, como o possível aporte de R$ 1 bilhão da L Catterton na Inspira e os fundos Atmos e Advent negociando com o Grupo Salta, evidenciam esse movimento.


Grupos estrangeiros já realizaram aquisições expressivas, como a Inspired, que desembolsou R$ 2 bilhões pela Eleva em 2022. 

O interesse é impulsionado pelo potencial de crescimento no Brasil, onde apenas 18% dos alunos da educação básica estudam em escolas privadas, e menos de 10% dos colégios privados oferecem período integral.


O setor movimentou R$ 84 bilhões em mensalidades em 2022, com um mercado de cursos complementares de R$ 6,4 bilhões. Apesar da demografia desafiadora, com uma média de 1,5 filhos por mulher, investidores veem a educação como um setor resiliente, crescendo acima da inflação e com famílias dispostas a investir mais por criança. Dados estatísticos também comprovam o crescimento do setor de educação no mercado de fusões e aquisições. Segundo um relatório da consultoria KPMG, o número de transações envolvendo empresas de educação aumentou 72% no primeiro semestre de 2021, em comparação com o mesmo período do ano anterior.



Como uma Instituição de Ensino pode Expandir por meio de Fusões e Aquisições?


Para impulsionar a expansão, redes de escolas podem adotar estratégias de Fusões e Aquisições (M&A) em setores diversos, como:


Empresas de Tecnologia Educacional (EdTechs):

Investir em EdTechs para integrar tecnologias inovadoras, como plataformas de aprendizado online, softwares educativos e ferramentas interativas.


Editoras Educacionais:

Investir em editoras educacionais para desenvolver materiais didáticos personalizados ou inovadores.


Instituições de Ensino a Distância (EAD):

Adquirir ou colaborar com instituições de EAD para expandir a oferta de cursos online, proporcionando flexibilidade aos alunos.


Antes de efetuar qualquer transação, é fundamental conduzir análises de viabilidade com um consultor especializado como a Cornerstone Partners, considerando a integração eficaz dos serviços, alinhamento pedagógico e as expectativas das famílias dos alunos. Essas estratégias de M&A podem posicionar a instituição de ensino como uma líder inovadora no cenário educacional.



Qual o Valor da Sua Instituição de Ensino: Estratégias para Negociar, Vender e Expandir


Compreender o valor da sua empresa é crucial neste cenário dinâmico de consolidação do setor educacional. Isso permite que os gestores avaliem oportunidades de fusões, aquisições e expansões de forma estratégica, maximizando não apenas o sucesso financeiro, mas também contribuindo para o desenvolvimento educacional do país. 

A avaliação de empresas consiste no cálculo para estimar o valor justo de uma empresa através de métodos quantitativos para analisar a situação financeira e as perspectivas de crescimento.


A percepção do verdadeiro valor da instituição de ensino possibilita uma negociação mais assertiva, considerando os desafios e oportunidades presentes no mercado, e destaca a importância estratégica da educação privada em um ambiente em constante transformação.


Quer saber mais sobre as oportunidades deste mercado?




Possui interesse em comprar, vender ou avaliar sua instituição de ensino?




Comments

Rated 0 out of 5 stars.
No ratings yet

Add a rating
bottom of page